A Mão do Poeta

Em A Mão do Poeta Breno Fernandes faz um passeio ‘fantástico’ pela cidade do Salvador que emociona o leitor pela riqueza de detalhes da sua retórica e pela contemporaneidade da linguagem.

R$50,60

Detalhes

Peso 0.125 g
Dimensões 0.3 × 28 × 23 cm

Sobre o autor

Breno Fernandes

Breno Fernandes

Tenho 32 anos. Nasci e vivo em Salvador (BA). Mas, como passei a infância em Riacho de Santana, uma cidadezinha do interior da Bahia, me considero meio soteropolitano, meio riachense.

Sou formado em Jornalismo pela Universidade Federal da Bahia e hoje em dia faço uma segunda graduação na área de Letras. Além disso, pela mesma universidade, fiz mestrado em Relações Internacionais e agora estou no doutorado em Literatura & Cultura.

Fui colunista de literatura do Caderno Dez! do jornal A TARDE, entre 2007 e 2009, e repórter da editoria de cultura do mesmo jornal entre 2009 e 2010. Desde então, me tornei escritor freelancer. Entre os trabalhos que fiz estão alguns livros paradidáticos voltados para o Ensino Fundamental e Médio, publicados pelas editoras Corrupio e Aê.

Estreei na ficção infantojuvenil em 2002, aos 15 anos, quando o romance O mistério da casa da colina foi um dos escolhidos pela editora FTD para inaugurar a Coleção Jovens Escritores. Em 2006, publiquei Mil — a primeira missão pela mesma coleção. Juntos, os dois livros já venderam mais de 75 mil cópias e têm sido adotados como paradidáticos em diversos colégios do Brasil.

Em 2017, a convite da FB Publicações, selo infantojuvenil da editora Caramurê, publiquei o romance Mendax, o ladrão de histórias. No ano seguinte, esse livro conquistou o segundo lugar do Prêmio da Fundação Biblioteca Nacional, na categoria Literatura Juvenil.

Também em 2018, lancei Os fanzineiros (FTD), um romance juvenil cujo mote é a mistura explosiva de bullying e fake news.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A Mão do Poeta”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *