uma-alegria-na-familia

Uma alegria na família e outras crônicas

Ruy Espinheira Filho foi por 12 anos cronista da Tribuna da Bahia (1969-1981) e 10 anos do Jornal da Bahia (1982-1992), atualmente publica crônicas na revista Pindorama, além de artigos quinzenais em A Tarde. Elogiado por Carlos Drummond de Andrade em sua estreia (Heléboro, 1974), que o classificou como autor de uma “poesia concentrada e de sutil expressão”, tem hoje uma obra já consagrada pela crítica, detentora de alguns dos mais importantes prêmios literários do Brasil.

R$35,00

Categoria

Detalhes

Peso 0.188 kg
Dimensões 0.3 x 28 x 23 cm
ISBN

9788598866758

Nº de Páginas

80

Ilustrações

Sobre o autor

Ruy Espinheira Filho

Ruy Espinheira Filho

Ruy Espinheira Filho nasceu no Brasil, na cidade de Salvador, Bahia, no dia 12 de dezembro de 1942. Filho de Ruy Alberto de Assis Espinheira, advogado, e de Iracema D’Andréa Espinheira, de ascendência italiana, passou a infância na cidade de Poções e a adolescência na cidade de Jequié, no Sudoeste baiano. De volta a Salvador, em 1961, estudou no Colégio Central da Bahia e, levado pelo poeta Affonso Manta, que conhecia desde Poções, ingressou no grupo boêmio capitaneado por Carlos Anísio Melhor. Ainda nos anos 60, começou a publicar na revista Serial, criada por Antonio Brasileiro, e se iniciou no jornalismo — como cronista da Tribuna da Bahia (1969-1981), onde também trabalhou como copidesque e editor (1974-1980). Colaborou ainda com o Pasquim, como correspondente na Bahia (1976-1981), e foi contratado como cronista diário do Jornal da Bahia (1983-1993).

Ruy Espinheira Filho foi por 12 anos cronista da Tribuna da Bahia (1969-1981) e 10 anos do Jornal da Bahia (1982-1992), atualmente publica crônicas na revista Pindorama, além de artigos quinzenais em A Tarde. Elogiado por Carlos Drummond de Andrade em sua estreia (Heléboro, 1974), que o classificou como autor de uma “poesia concentrada e de sutil expressão”, tem hoje uma obra já consagrada pela crítica, detentora de alguns dos mais importantes prêmios literários do Brasil.